Educação Superior Brasileira na Contemporaneidade

Desafios. A Universidade do Amanhã

Autores

  • Francisco César de Sá Barreto Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

DOI:

https://doi.org/10.35699/2316-770X.2021.26837

Palavras-chave:

universidade do amanhã, transdisciplinaridade, diversidade, flexibilidade

Resumo

A primeira seção apresenta a situação atual das universidades brasileiras, suas mazelas e sua visão retrógrada. Na seção seguinte é apresentado um resumo das origens da universidade brasileira e sua posição no contexto internacional. A legislação brasileira concernente ao assunto é descrita pelo parecer CFE 977/65 e pelo PNPG 2011/2020. São expostos os dados comparativos da produção científica no mundo, seu impacto na sociedade e a presença brasileira nesse cenário. Em seguida, na terceira seção, são descritas as características da denominada “universidade do amanhã”, ou seja, flexibilidade e diversidade, interdisciplinaridade e transdisciplinaridade, em contraste com as características atuais das universidades brasileiras, descritas na primeira seção. A quarta seção trata das questões relativas ao desejável futuro das universidades brasileiras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Francisco César de Sá Barreto, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Professor Emérito da UFMG. Professor Visitante da Universidade Federal de São João del Rei - Campus Alto Paranaíba, Ouro Branco, MG.

Referências

BRASIL 1965, Ministério de Educação, Conselho Federal de Educação, Parecer CFE nº 977/65.

BRASIL 2010, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES. Plano nacional de pós-graduação [PNPG] 2011-2020. Brasília: CAPES, 2010. v. 1.

BRASIL 2019, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Censo da Educação Superior 2018: notas estatísticas. Brasília, 2019.

DOMINGUES, I.; DE Oliveira A.G.; SILVA, E.M.P; CAPUZZO, H.; BEIRÃO P.S.L., Transdisciplinaridade: descondicionando o olhar sobre o conhecimento. Educação em Revista, Belo Horizonte: Faculdade de Educação da UFMG v.29, n.1, p.109-116, Jun. 1999.

MORIN, E. Os Sete Saberes necessários à Educação do Futuro. São Paulo: Editora Cortez, 2000.

GDP 2008, “Statistics on world population. GDP and per capita GDP.1-2008 AD”, Angus Maddison, IMF.

KURZWEIL, Ray. The singularity is near: when humans transcend biology, Penguin Books, 2006/en:PPTCountdowntoSingularityLinear.jpg.>.

LOCARNO 1997, Congresso Internacional: “Que Universidade para o Amanhã? Evolução Transdisciplinar na Universidade”, Locarno, Suíça, maio/97. http://perso.club-intenet.fr/nicol/ciret .

NICOLESCU, B. Um novo tipo de conhecimento: transdiciplinaridade. In: NICOLESCU, B.; PINEAU, G., H.; RANDOM, M.; e TAYLOR, P. (Org.) Educação e Transdisciplinaridade. Brasília: Edições UNESCO Brasil, 2000.p. 13-29.

OLIVEIRA, A. G.; SÁ BARRETO, F. C.; CAPUZZO, H.; DOMINGUES, I.; BEIRÃO, P. S. L.; BARBOSA, R. A.N.M.; e ALMEIDA, V.A.F. Preparando o futuro: educação, ciência e tecnologia – suas implicações para a formação da cidadania. R. Bras. Est. Pedag., Brasília, v. 81, n. 198, p. 316-341, maio/ago. 2000.

READINGS, B. The University in Ruins. Cambridge: Harvard University Press, 1997.

SCHWARTZMANN, S. Educação superior e pesquisa científica para o século XXI”, Texto preparado por solicitação da CAPES. Baseado em “Os Paradoxos da Ciência e Tecnologia”,1996.

Downloads

Publicado

2021-12-30

Como Citar

BARRETO, F. C. de S. . Educação Superior Brasileira na Contemporaneidade: Desafios. A Universidade do Amanhã. Revista da Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, v. 28, n. 1, p. 22–53, 2021. DOI: 10.35699/2316-770X.2021.26837. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistadaufmg/article/view/26837. Acesso em: 27 maio. 2022.