A Cenografia Bergmaniana

As Diversas Nuanças da Cor Vermelha e a Construção das Imagens Pictóricas em Gritos e Sussurros (1972)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35699/2237-5864.2022.36115

Palavras-chave:

Artes, Cinema, Ingmar Bergman, Cenografia, Edvard Munch

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar a cenografia do filme Gritos e Sussurros (1972) do cineasta sueco Ingmar Bergman, focalizando o uso das diversas nuanças da cor vermelha e a constituição de imagens pictóricas que podem ser comparadas às pinturas O Leito de morte (1895), Nu de Paris (1896) e Nu (1896) do artista norueguês Edvard Munch. Para tanto, foi realizada a decupagem das sequências em que ocorre a morte de Agnes e o flashback de Karin, com o intuito de averiguar a funcionalidade dos elementos estilísticos. A construção da mise-en-scène desencadeou uma narrativa de atmosfera fúnebre e abriu a possibilidade de diálogo com a filosofia existencialista de Søren Aabye Kierkegaard.

Biografia do Autor

Hellen Silvia Marques Gonçalves, Universidade Federal de Minas Gerais

Licenciada e bacharela em História pela Universidade Federal de Viçosa. Mestra em Artes (Linha de Pesquisa: Cinema) e Doutoranda em História pela Universidade Federal de Minas Gerais. Pesquisa desenvolvida com o financiamento da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). E-mail: hsmgoncalves23@gmail.com.

Referências

A FLAUTA MÁGICA. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Cinematograph AB/Sveriges Radio AB. TV2/Sveriges Radio AB. Ljudradion, 1975. 01 DVD (138 min.), colorido.

A HORA DO AMOR. Direção: Ingmar Bergman. Suécia, Estados Unidos: Cinematograph/ABC Pictures, 1971. 01 DVD (115min.), colorido.

A PAIXÃO DE ANNA. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: AB Svensk Filmindustri/Cinematograph AB, 1969. 01 DVD (101 min.), colorido.

ATRAVÉS DE UM ESPELHO. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Janus Films, 1961. 01 DVD (112 min.), preto e branco.

AUMONT, Jacques. O Olho Interminável [cinema e pintura]. Tradução Eloisa Araújo Ribeiro. São Paulo: Cosac & Naify, 2004. (Coleção cinema, teatro e modernidade).

BERGMAN, Ingmar. Gritos e Sussurros. Tradução Jaime Bernardes. 2ª ed. Rio de Janeiro: Editora Nórdica, 1973.

BERGMAN, Ingmar. Imagens. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

BISCHOFF, Ulrich. Edvard Munch (1863-1944): Imagens de Vida e Morte. Köln/Germany: Taschen, 2007.

CENAS DE UM CASAMENTO. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Cinematograph AB, 1973. 02 DVDs (281 min.), colorido.

DEPOIS DE UM ENSAIO. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Cinematograph AB/Personafilm GmbH, 1984. 01 DVD (90 min.), colorido.

FACE A FACE. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Cinematograph AB/Sveriges Radio AB. TV2, 1976. 01 DVD (130 min.), colorido.

FANNY E ALEXANDER. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Cinematograph AB/Sveriges Television AB TV1/Gaumont International AS/Personafilm GmbH/Tobis Filmkunst GmbH/Stiftelsen Svenska Filminstitutet, 1982. 02 DVDs (188 min.), colorido.

GAGE, John. A Cor na Arte. Tradução Jefferson Luiz Camargo. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2012.

GODARD, Jean-Luc. “Bergmanorama”. In: BAECQUE, Antoine de (org.). La política de los autores. Tradução Mariana Miracle. Buenos Aires: Paidós, 2003.

GRITOS E SUSSURROS. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Cinematograph AB/Stiftelsen Svenska Filminstitutet/Liv Ullmann/Ingrid Thulin/Harriet Andersson/Sven Nykvist, 1972. 01 DVD (92 min.), colorido.

HOWARD, Pamela. O que é Cenografia?. Tradução Carlos Szlak. São Paulo: Edições Sesc São Paulo, 2015.

KIERKEGAARD, Søren. O Conceito de Ironia Constantemente Referido a Sócrates. Tradução Álvaro Valls. 2ª ed. Bragança Paulista: Editora Universitária São Francisco, 2005.

LÓPEZ, Jordi Puigdomènech. Ingmar Bergman: El Último Existencialista. 2ª ed. Madrid: Ediciones JC, 2007.

LUZ DE INVERNO. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: AB Svensk Filmindustri, 1962. 01 DVD (80 min.), preto e branco.

MUNCH, Edvard. A Câmara da Morte. 1896. 1 tela.

MUNCH, Edvard. A Criança Doente. 1885. 1 tela.

MUNCH, Edvard. A Mãe Morta e a Criança. 1897-1898. 1 tela.

MUNCH, Edvard. A Mãe Morta. 1897-1899. 1 tela.

MUNCH, Edvard. A Morte e a Criança. 1897. 1 tela.

MUNCH, Edvard. A Morte na Câmara Doente. 1895. 1 tela.

MUNCH, Edvard. Criança. 1899-1900. 1 tela.

MUNCH, Edvard. Nu de Paris. 1896. 1 tela.

MUNCH, Edvard. Nu. 1896. 1 tela.

MUNCH, Edvard. O Leito de Morte. 1895. 1 tela.

MUNCH, Edvard. Vida e Morte. 1894. 1 tela.

NA PRESENÇA DE UM PALHAÇO. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Sveriges Television AB/Danmarks Radio/Norsk Rikskringkasting/Radiotelevisione Italiana/Oy Yleisradio Ab TV1/Zweites Deutsches Fernsehen (ZDF), 1997. 01 DVD (119 min.), colorido.

O OVO DA SERPENTE. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Rialto Film/Dino De Laurentiis Corporation, 1977. 01 DVD (120 min.), colorido.

O SÉTIMO SELO. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: AB Svensk Filmindustri, 1956. 01 DVD (96 min.), preto e branco.

O SILÊNCIO. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: AB Svensk Filmindustri, 1963. 01 DVD (81 min.), preto e branco.

OLIVEIRA JR., Luiz Carlos. A Mise-en-scène no Cinema: do Clássico ao Cinema de Fluxo. Campinas/SP: Papirus, 2013.

PARA não Falar de Todas Essas Mulheres. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: AB Svensk Filmindustri, 1964. 01 DVD (89 min.), colorido.

PERSONA. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: AB Svensk Filmindustri, 1966. 01 DVD (85 min.), preto e branco.

PRISÃO. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Terrafilms Produktions AB, 1949. 01 DVD (79 min.), preto e branco.

RODRIGUES, Fabiana. Ingmar Bergman: Deus, Dúvida e Conflito no Cinema. 2018. 200 p. Tese (Doutorado em Comunicação e Linguagens) - Programa de Pós-Graduação – Stricto Sensu – Doutorado Acadêmico em Comunicação e Linguagens, Universidade Tuiuti do Paraná, Curitiba, 2018.

SARABANDA. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: Österreichischer Rundfunk (ORF)/ZDF Enterprises GmbH/Filme em rede- e Fernsehproduktion GmbH & Co. KG/Sveriges Television AB/Danmarks Radio/Norsk Rikskringkasting/Radiotelevisione Italiana/Oy Yleisradio Ab TV1/Zweites Deutsches Fernsehen (ZDF), 2003. 01 DVD (120 min.), colorido.

SIMON, Michelangelo di Lodovico Buonarroti. Pietà. Florença: Jean Bilheres de Lagraulas, 1499. 1 escultura variável.

SONATA DE OUTONO. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: ITC Film Distributors, Ltd. Empresas/Personafilm GmbH, 1978. 01 DVD (93 min.), colorido.

TEIXEIRA, Antônio Álder. Estratégias Narrativas na Filmografia de Ingmar Bergman: O Diálogo entre o Clássico e o Moderno. 2014. 206 p. Tese (Doutorado em Artes) – Escola de Belas Artes, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2014.

UMA LIÇÃO DE AMOR. Direção: Ingmar Bergman. Suécia: AB Sandrew-Produktion, 1953. 01 DVD (96 min.), preto e branco.

XAVIER, Ismail. O Discurso Cinematográfico: A Opacidade e a Transparência. 4ª ed. São Paulo: Paz e Terra, 2008.

Downloads

Publicado

2022-08-22

Como Citar

GONÇALVES, H. S. M. A Cenografia Bergmaniana: As Diversas Nuanças da Cor Vermelha e a Construção das Imagens Pictóricas em Gritos e Sussurros (1972). PÓS: Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG, [S. l.], v. 12, n. 25, p. 120–146, 2022. DOI: 10.35699/2237-5864.2022.36115. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistapos/article/view/36115. Acesso em: 30 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos