A beleza do corpo obeso figurado

da invisibilidade ao enquadramento oblíquo

Autores

  • Alexandre Emerick Neves UFES

DOI:

https://doi.org/10.35699/2237-5864.2022.36148

Palavras-chave:

Corpo obeso, Beleza, Cinema, Literatura, Artes visuais

Resumo

A aparição do corpo obeso no cinema repercute a histórica dificuldade de seu enquadramento na cultura em geral. Para discutirmos a presença do corpo obeso em distintos planos de figuração, recorremos às análises de Giorgio Agamben sobre a reciprocidade no uso dos corpos, Marie-José Mondizan quanto à ética na mídia contemporânea e Deleuze sobre a estética fílmica. Das adaptações de dois romances – Ensaio sobre a cegueira, de José Saramago, e o filme homônimo de Fernando Meirelles; Crônica da casa assassinada, de Lúcio Cardoso, e o filme A casa assassinada, de César Saraceni – chegaremos ao protagonismo do corpo obeso no filme Out of Rosenheim [Bagdad Café], para, enfim, experimentarmos o vigor da sua beleza.

Referências

AGAMBEN, Giorgio. O uso dos corpos. São Paulo: Boitempo, 2017.

ARBUS, Diane. Diane Arbus revelations. New York: Random House, 2003.

AUMONT, Jacques. O olho interminável [cinema e pintura]. São Paulo: Cosac Naify, 2004.

BALZAC, Honoré de. O pai Goriot. São Paulo: Companhia das Letras, 2015.

BALZAC, Honoré de. A obra-prima desconhecida. In: DIDI-HUBERMAN, Georges. A pintura encarnada. São Paulo: Escuta, 2012.

CARDOSO, Lúcio. Crônica da casa assassinada. Rio de Janeiro: Editorial Bruguera, s.d.

CARDOSO, Lúcio. Crónica da casa assassinada; edición crítica. Mário Carelli (Coordenação). Madrid: Coleción Archivos, nº 19; CSIC, 1991, p. 641.

DELEUZE, Gilles. A imagem-movimento. São Paulo: Brasiliense, 1990.

DIDI-HUBERMAN, Georges. O que vemos, o que nos olha. São Paulo: Editora 34, 2010, p. 147. Grifos meus.

HEIDEGGER, Martin. Ensaios e conferências. Petrópolis: Editora Vozes, 2006.

HONNEF, Klaus. Arte contemporânea. Colônia: Benedikt Taschen, 1994.

LAMARTINE, Alphonse de. Balzac et ses oeuvres. Paris: Michel Lévy Libraires Éditeurs, 1866.

LOPERA, José Álvarez. El retrato español en el Prado: Del Greco a Goya, Museo Nacional del Prado, 2006. Disponível em:

https://www.museodelprado.es/coleccion/obra-de-arte/eugenia-martinez-vallejo-desnuda/8e2d05fe-8310-469f-9154-45a7706515fd.

MERLEU-PONTY, Maurice. A dúvida de Cézanne. In: O olho e o espírito. São Paulo: Cosac Naify, 2013.

MONDZAIN, Marie-José. Imagem, ícone, economia: as fontes bizantinas do imaginário contemporâneo. Rio de Janeiro: Contraponto, Museu de Arte do Rio, 2013.

PEREIRA, José Mario. Um convite ao Don Quixote. In: Don Quixote & Cervantes. Rio de Janeiro: Fundação Biblioteca Nacional, Departamento Nacional do Livro, 2001.

PORTELLA, Eduardo. O livro, o sonho, a evidência. In: Don Quixote & Cervantes. Rio de Janeiro: Fundação Biblioteca Nacional, Departamento Nacional do Livro, 2001.

ROSA e SILVA, Enaura Quixabeira. Lúcio Cardoso: paixão e morte na literatura brasileira. Maceió: Edufal, 2004.

SCRUTON, Roger. O rosto de Deus. São Paulo: É Realizações, 2015.

TELLES, Lygia Fagundes. Verde lagarto amarelo. In: TELLES, Lygia Fagundes. Antes do baile verde: contos de Lygia Fagundes Telles. Rio de Janeiro: Editora José Olympio, 1971.

Filmes:

Pieles. Direção: Eduardo Casanova. Espanha: 2017, cor, 77min.

Ensaio sobre a cegueira. Direção: Fernando Meirelles. Brasil/Canadá/Japão/Reino Unido/Itália: 2008, cor, 121min.

A casa assassinada. Direção: César Saraceni. Brasil: 1971, cor, 103min.

Out of Rosenheim [Bagdad Café]. Direção: Percy Adlon. EUA/Alemanha: 1987, 108min.

Downloads

Publicado

2022-08-22

Como Citar

NEVES, A. E. A beleza do corpo obeso figurado: da invisibilidade ao enquadramento oblíquo. PÓS: Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG, [S. l.], v. 12, n. 25, p. 93–119, 2022. DOI: 10.35699/2237-5864.2022.36148. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistapos/article/view/36148. Acesso em: 30 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos