Paulo Emílio Salles Gomes, o Deus-herói civilizador em duas publicações póstumas

  • Julierme Sebastião Morais Souza
Palavras-chave: Paulo Emílio, Deus-herói, carências de orientação temporal

Resumo

O presente artigo tem como objetivo refletir acerca da maneira pela qual o legado intelectual do crítico e historiador de cinema brasileiro Paulo Emílio Salles Gomes (1916-1977) foi projetado em duas ocasiões; a saber: na publicação de um dossiê na revista Ensaios de Opinião, em 1978, e no lançamento da coletânea de artigos do crítico intitulada Paulo Emílio: um intelectual na linha de frente (1986). Nesse intento, defendemos a ideia de que o legado do crítico é difundido como resposta às carências de orientação temporal dos agentes envolvidos com as publicações supracitadas.

ABSTRACT: This paper intends to discuss about how the intellectual legacy of the Brazilian critic and cinema historian Paulo Emilio Salles Gomes (1916-1977) was considered on two occasions; namely: the publication of a dossier in the magazine Ensaios de Opinião in 1978, and on the launching of the collections of his critical opinion texts, entitled Paulo Emilio: um intelectual na linha de frente (1986). Thus, we claim the idea that his legacy is widespread as the critical response to the lacks of temporal orientation of those involved in the aforementioned
publications.

KEYWORDS: Paulo Emílio; God-hero; lack of temporal orientation.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2015-01-30