RELAÇÃO ENTRE PROCESSO DE INGRESSO E EVASÃO NA REDE FEDERAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35699/2238-037X.2021.25904

Palavras-chave:

Educação Profissional e Tecnológica, Ingresso, Evasão

Resumo

A implantação da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica e a expansão dos Institutos Federais pela lei nº 11.892/2008 ampliaram o número de matrículas e de cursos nos estados brasileiros. Entretanto, a instituição vem apresentando elevados índices de evasão. Nesse contexto, o presente artigo objetiva analisar pesquisas empíricas que abordem de alguma forma as possíveis relações estabelecidas entre os procedimentos adotados no processo de ingresso das referidas instituições e que possam estar afetando a evasão/permanência dos estudantes. Assim, a modalidade principal de pesquisa é a análise de conteúdo realizada pela consulta de diferentes descritores nos portais da CAPES, SciELO e Google Acadêmico, no período de 2010 a 2020. Os resultados revelam que as principais causas da evasão dos estudantes estão relacionadas a aspectos de ordem pessoal, pedagógicos, e também ao desconhecimento do conteúdo programático e do perfil de egresso. Defende-se que muitas das causas de evasão apontadas podem ser revertidas, qualificando-se o processo de ingresso. Conclui-se, portanto, que as instituições da EPT podem melhorar a relação que estabelece com os estudantes-trabalhadores, qualificando os procedimentos de ingresso e demais condições relacionadas à permanência, sucesso e progressão desses sujeitos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daiana da Rosa Ferreira, Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC)

Mestranda do Mestrado Profissional em Educação Profissional e Tecnológica em rede nacional (PROFEPT) - Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), Graduação em Pedagogia pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Especialista em Gestão Pública na EPT (IFSC). Técnica Administrativa em Educação no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC)

Salete Valer, Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC)

Doutora em Linguística (Psicolinguística Aplicada) pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Mestre em Linguística Teórica pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), graduação em Letras Português e Literaturas Vernáculas pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Professora titular do Instituto Federal de Santa Catarina, atuando como docente em cursos de Formação Inicial e Continuada; Cursos Técnicos, Ensino Médio, Cursos de Tecnologia e no Mestrado em Educação Profissional em Rede Federal (ProfEPT).

Referências

ALMEIDA, Elisa Carmo Franco; MIRANDA, Paula Reis de. Comunicação Pública na Prevenção da Evasão: a experiência de um aplicativo sobre Ensino Médio Integrado. Revista Diálogo Educacional, n.64, v. 20, p.170-200, 2020. Disponível em: https://periodicos.pucpr.br/index.php/dialogoeducacional/article/view/25428. Acesso em: 15 jun. 2020.

ARAÚJO, Ronaldo Marcos de Lima; RODRIGUES, Doriedson do Socorro. Referências sobre práticas educativas em Educação Profissional: o velho travestido de novo frete ao efetivamente novo. Boletim Técnico do Senac: a revista de Educação Profissional, Rio de Janeiro, n. 2, v. 36, 2010. Disponível em: https://www.bts.senac.br/bts/article/view/218/201. Acesso em: 22 nov. 2019.

BARDIN, Laurence. Análise de Conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BASTOS, Oliver Guimarães Armando; GOMES, Carlos Francisco Simões. A evasão escolar no Ensino Técnico: entendendo e enfrentando as dificuldades – Um estudo de caso do CEFET-RJ. In: CONGRESSO NACIONAL DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO. 10. 2014. Rio de Janeiro. Anais eletrônicos [...]. Rio de Janeiro: CNEG & o INOVARSE, 2014. Disponível em: http://www.inovarse.org/node/2046. Acesso em: 16 out. 2019.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica. SEMINÁRIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL: “CONCEPÇÕES, EXPERIÊNCIAS, PROBLEMAS E PROPOSTAS”, 2, 2003, Brasília. Anais eletrônicos [...]. Brasília: MEC/SEMTEC, 16 a 18 de junho de 2003. Disponível em: http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/me002266.pdf. Acesso em: 15 jan. 2020.

BRASIL. Ministério da Educação. Proposta em Discussão: Políticas Públicas para a Educação Profissional e Tecnológica. Documento Base. Brasília, abril de 2004. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf/p_publicas.pdf. Acesso em: 5 jan. 2020.

BRASIL. Decreto nº 5.154, de 23 de julho de 2004. Regulamenta o § 2º do art. 36 e os arts. 39 a 41 da Lei 9394, de 20 de dezembro de 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2004/decreto/d5154.htm. Acesso em: 10 out. 2019.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação. Educação Profissional Técnica de Nível Médio Integrada ao Ensino Médio. Documento Base. Brasília, dezembro de 2007. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf/documento_base.pdf. Acesso em: 8 jan. 2020.

BRASIL. Lei nº 11.741, de 16 de julho de 2008. Altera dispositivos da Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para redimensionar, institucionalizar e integrar as ações da educação profissional técnica de nível médio, da educação de jovens e adultos e da educação profissional e tecnológica. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/

ccivil_03/_ato2007-2010/2008/lei/l11741.htm. Acesso em: 10 out. 2019.

BRASIL. Lei nº 11.892, de 29 de dezembro de 2008. Institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, cria os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2008/Lei/L11892.htm. Acesso em: 10 out. 2019.

BRASIL. Decreto nº 7.234, de 19 de julho de 2010. Dispõe sobre o Programa Nacional de Assistência Estudantil -PNAES. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2010/Decreto/D7234.htm. Acesso em: 14 mai. 2016.

BRASIL. Lei nº 12.771, de 29 de agosto de 2012. Dispõe sobre o ingresso nas universidades federais e nas instituições federais de ensino técnico de nível médio e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/lei/l12711.htm. Acesso em: 17 out. 2019.

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional da Educação. Câmara de Educação Básica. Resolução nº 6, de 20 de setembro de 2012. Disponível em: mobile.cnte.org.br:8080/legislacao-externo/rest/lei/51/pdf. Acesso em: 20 fev. 2019.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão. Conselho Nacional da Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais da Educação Básica. Brasília: MEC, SEB, DICEI, 2013. 542p. Disponível em: file:///C:/Users/User/Downloads/diretrizes_curiculares_nacionais_2013%20(3).pdf.

Acesso em: 10 mar. 2019.

BRASIL. Tribunal de Contas da União. Acórdão nº 506 de 13 de maio de 2013. Relatório de Auditoria nº TC 026.062/2011-9. Disponível em: http://portal3.tcu.gov.br/portal/page/portal/TCU/comunidades/

programas_governo/areas_atuacao/educacao/Relatorio%20Voto%20Acordao%20%20Educacao%20Profissional.pdf. Acesso em: 15 mar. 2020.

BRASIL. Ministério da Educação, Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica. Nota informativa nº 138, de 15 de julho de 2015. Brasília: SETECMEC, 2015. Disponível em: http://www.iftm.edu.br-/proreitorias/ensino/permanenciaeexito/documentos/documentos/2015%20 Nota%20Informativa%20n%C2%B0%20138%20_2015_DPE_DDR_SETEC_MEC%282%29.pdf. Acesso em: 15 mar. 2020.

CIAVATTA, Maria. A Formação Integrada: a escola e o trabalho como lugares de memória e identidade. Revista Trabalho Necessário, n. 3, v. 3, 2005. Disponível em: https://periodicos. uff.br/trabalhonecessario/article/view/6122/5087. Acesso em: 22 nov. 2019.

DIAS, Divanete Salete Hoffmann; SCHRÖEDER, Christine da Silva. Evasão Escolar no Curso Técnico em Plástico, Modalidade Subsequente, do Instituto Federal Sul - Rio-Grandense, Campus Sapucaia do Sul. 2013. Trabalho de Conclusão de Especialização - Curso de Administração Pública Contemporânea, Escola de Administração, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2013.

FELIPPE, Bárbara C.; VALER, Salete. Pressupostos teórico-metodológicos da pesquisa como princípio pedagógico: orientações aos professores da Educação Profissional. 2019. Produto educacional (Cartilha) - Programa de Pós-Graduação em Mestrado Profissional em Educação Profissional e Tecnológica em Rede Nacional (ProfEPT), Instituto Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, 2019. Disponível em: http://educapes.capes.gov.br/handle/capes/434085.

Acesso em: 1 jun. 2020.

FIGUEIREDO, Natália Gomes da Silva; SALLES, Denise Medeiros Ribeiro. Educação Profissional e evasão escolar em contexto: motivos e reflexões. Ensaio: avaliação e políticas públicas em Educação, n.95, v. 25, 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S010440362

&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 4 out. 2019.

FREDENHAGEM, Sheyla; COMETTI, Nilton; BONFIM, Cristiane Jorge de Lima; ARAÚJO, Fernando Dantas. A voz da evasão. Revista Eixo. Instituto Federal de Educação. Ciência e Tecnologia de Brasília, n. 2, v. 1, 2012. Disponível em: http://revistaeixo.ifb.edu.br/index.index.php/

RevistaEixo/issue/view/9. Acesso em: 16 out. 2019.

FREDENHAGEM, Sheyla Villar. Evasão escolar no âmbito do Instituto Federal de Brasília. Revista Eixo. Instituto Federal de Educação. Ciência e Tecnologia de Brasília, n. 2, v. 3, 2013. Disponível em: http://revistaeixo.ifb.edu.br/index.php/RevistaEixo/article/view/160. Acesso em: 15 mar. 2020.

FRIGOTTO, Gaudêncio; CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise. O trabalho como princípio educativo no projeto de educação integral de trabalhadores. In: COSTA, Hélio da; CONCEIÇÃO, Martinho da. (Org.). Educação integral e sistema de reconhecimento e certificação educacional e profissional. São Paulo: CUT, 2005a. p.19-62.

KUENZER, Acacia Zeneida. Competência como práxis: os dilemas da relação entre teoria e prática na educação dos trabalhadores. Boletim Técnico do SENAC, Rio de Janeiro, n.1, v. 20, set/dez. 2004. Disponível em: https://www.bts.senac.br/bts/article/view/501. Acesso em: 15 jun.2020.

KUENZER, Acacia Zeneida. EM e EP na produção flexível: a dualidade invertida. Revista Retratos da Escola, n. 8, v.5, 2011. Disponível em:http://retratosdaescola.emnuvens.com.br/rde/article/

view/46. Acesso em: 15 jun. 2020.

LIMA, Telma Cristiane Sasso de; MIOTO, Regina Célia Tamaso. Procedimentos metodológicos na construção do conhecimento científico: a pesquisa bibliográfica. Rev. Katálysis. Florianópolis, n. esp., v.10, p. 37-45, 2007. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S141449802

%20&script=sci_arttext. Acesso em: 3 mar. 2020.

MIYAZAWA, Glória Cristina Marques Coelho. Diagnóstico da evasão nos cursos técnicos concomitantes/subsequentes do IFSP campus São Roque. Revista Eletrônica Acadêmica Scientia Vitae, n. 4, v. 1, 2014. Disponível em: www.revistaifspsr.com. Acesso em: 10 abr. 2020.

RAMOS, Marise. Concepção de Ensino Médio Integrado. 2008. Disponível em: https://tecnicadmiwj.files.wordpress.com/2008/09/texto-concepcao-do-ensino-medio-integrado-marise-ramos1.pdf. Acesso em: 27 set. 2019.

SAVIANI, Dermeval. Trabalho e Educação: fundamentos ontológicos e históricos. Revista Brasileira de Educação, n. 34, v. 12, 2007. Disponívelem:https://www.scielo.br/pdf/rbedu/v12n34/a12v1234.pdf. Acesso em: 10 fev. 2020.

SEVERINO, Joaquim Antônio. Metodologia do Trabalho Científico. 23. Ed. São Paulo: Cortez, 2007.

SILVA, Cláudio Nei Nascimento da; CONCIANI, Fernanda; AZEVEDO, Márcio Adriano de; BONFIM, Cristiane Jorge Lima; VAZ JÚNIOR, Oswaldo Junqueira; MIRANDA, Evelynne Katriny Silva de Sousa; SOUZA, Maiane Araújo. Dualidade estrutural no ensino técnico profissionalizante em Brasília (IFB): uma análise do discurso oficial de inclusão e as dificuldades de permanência dos alunos. Revista EIXO, Brasília, n.1, v.2, p. 2-16, 2013. Disponível em: http://revistaeixo.ifb.edu.br/index.php/RevistaEixo/article/view/95. Acesso em: 15 mar. 2020.

VALER, Salete; BROGNOLI, Angela; LIMA, Laura. A pesquisa como princípio pedagógico na educação profissional técnica de nível médio para a constituição do ser social e profissional. Fórum linguístico, Florianópolis, v. 14, n. 4, p. 2785 - 2803, 2017. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/forum-/article/download/1984-8412./35788. Acesso em: 15 jun.2020.

VALER, Salete. A pesquisa como princípio pedagógico e sua materialidade linguística: estudantes da Educação Profissional Técnica de Nível Médio. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica. v. 2, n. 17, 2019. Disponível em: http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT-/article/view/7289. Acesso em: 15 jan. 2020.

Downloads

Publicado

2022-02-03

Como Citar

FERREIRA, D. da R. .; VALER, S. RELAÇÃO ENTRE PROCESSO DE INGRESSO E EVASÃO NA REDE FEDERAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA. Trabalho & Educação, Belo Horizonte, v. 30, n. 3, p. 165–180, 2022. DOI: 10.35699/2238-037X.2021.25904. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/25904. Acesso em: 7 jul. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS