Perfil epidemiológico dos pacientes atendidos no Pronto Atendimento da Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Juiz de Fora

  • Janice Simpson de Paula Universidade Estadual de Campinas -UNICAMP
  • Milene de Oliveira Universidade Federal de Juiz de Fora -UFJF
  • Monica Regina Senra Pereira Soares Universidade Federal de Juiz de Fora -UFJF
  • Maria das Graças Afonso Miranda Chaves Universidade Federal de Juiz de Fora -UFJF
  • Fábio Luiz Mialhe Universidade Estadual de Campinas -UNICAMP

Resumo

Objetivo: verificar o perfil epidemiológico dos pacientes atendidos pelo Pronto Atendimento (PA) da Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Juiz de Fora (FO/UFJF). Materiais e Métodos: investigou-se a realidade local, definindo a demanda de pacientes, por meio de um levantamento dos dados
sociodemográficos, queixa principal, inquérito de saúde e procedimentos realizados. Foram avaliados 1181 prontuários de pacientes atendidos na clínica de PA da FO/UFJF referentes aos atendimentos de 2006 e
2007. Além disso, foi determinada a distribuição dos pacientes nos bairros de acordo com o seu local de residência. Nesse procedimento, as áreas do mapa da exclusão/inclusão social da cidade de Juiz de Fora foram compatibilizadas com as áreas censitárias do Município. Resultados: constatou-se a predominância do gênero feminino (61,7%), idade média de 37 anos, leucodermas (62,0%) e solteiros (49,2%). Verificou-se que 57,9% dos pacientes (684) residiam em áreas de exclusão social. O principal relato observado quanto à queixa principal foi a dor (46,7%), seguido da necessidade de procedimentos clínicos decorrentes de fratura,
perda de restauração ou próteses provisórias (19,5%) e traumatismos dentários (8,0%). Entre os procedimentos realizados, os mais frequentes foram restauradores (24,4%) e endodônticos (17,4%). Conclusão: os dados
obtidos auxiliarão no planejamento de ações que programem benefícios para os pacientes e para o aprendizado dos acadêmicos.
Descritores: Urgências. Odontotalgia. Saúde bucal. Saúde pública.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Janice Simpson de Paula, Universidade Estadual de Campinas -UNICAMP

Departamento de Odontologia Social, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Piracicaba, SP, Brasil

Milene de Oliveira, Universidade Federal de Juiz de Fora -UFJF
Faculdade de Odontologia, Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Juiz de Fora, MG, Brasil
Monica Regina Senra Pereira Soares, Universidade Federal de Juiz de Fora -UFJF
Faculdade de Odontologia, Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Juiz de Fora, MG, Brasil
Maria das Graças Afonso Miranda Chaves, Universidade Federal de Juiz de Fora -UFJF
Faculdade de Odontologia, Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Juiz de Fora, MG, Brasil
Fábio Luiz Mialhe, Universidade Estadual de Campinas -UNICAMP
Departamento de Odontologia Social, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Piracicaba, SP, Brasil

Referências

1. Lee S, Borsatti MA, Penha SS, Buscaríolo IA, Domaneschi C, Tortamano IP. Aspectos epidemiológicos e sociodemográficos do Setor
de Urgência da Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo. RPG Rev Pós Grad. 2007; 13:299-306.
2. Lewis C, Lynch H, Johnston B. Dental complaints in emergency departments: a national perspective. Ann Emerg Med. 2003;42:93-9.
3. Sakai VT, Magalhães AC, Pessan JP, Silva SMB, Machado MAAM. Urgency treatment profile of 0 to 15 year-old children assisted at urgency dental service from Bauru Dental School, University of
São Paulo. J Appl Oral Sci. 2005; 13:340-4.
4. Naidu RS, Boodoo D, Percival T, Newton JT. Dental emergencies presenting to a universitybased paediatric dentistry clinic in the West
Indies. Int J Paediatr Dent. 2005; 15:177-84.
5. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Coordenação Nacional de Saúde Bucal. Diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal.
Brasília: Ministério da Saúde, 2004.
6. Lygidakis NA, Marinou D, Katsaris N. Analysis of dental emergencies presenting to a community paediatric dentistry centre. Int J Paediatr Dent. 1998; 8:181-90
7. Silva CHV, Araújo ACS, Fernandes RSM, Alves KA, Pelinca RN, Dias YC. Perfil do serviço de pronto atendimento odontológico da Universidade Federal de Pernambuco Odontologia. Clín Científ.
2009; 8:229-35.
8. Lacerda JT, Simionato EM, Peres KG, Peres MA, Traebert J, Marcenes W. Dor de origem dental como motivo de consulta odontológica em uma população adulta. Rev Saúde Pública. 2004;
38:453-8.
9. Anderson R, Thomas DW. ‘Toothache stories’: a qualitative investigation of why and how people seek emergency dental care. Community Dent Health. 2003; 20:106-11.
10. Kanegane K, Penha SS, Borsatti MA, Rocha RG. Ansiedade ao tratamento odontológico em atendimento de urgência. Rev Saude Publica. 2003; 37:786-92.
11. Tramini P, Nassar BAQ, Valcarcel J, Gilbert P. Factors associated with the use of emergency dental care facilities in a French public hospital. Spec Care Dentist. 2010; 30:66-71
12. Widström E, Pietilä I, Piironen P, Nilsson B, Savola I. Analysis of patients utilizing emergency dental care in two Finnish cities. Acta Odontol Scand. 1988; 46:105-12.
Arq Odontol, Belo Horizonte, 48(4): 257-262, out/dez 2012
Perfil epidemiológico dos pacientes atendidos no Pronto Atendimento 10.7308/aodontol/2012.48.4.08 262
13. Amorim NA, Silva TRC, Santos LM, Tenório MDH, Reis JIL. Urgência em odontopediatria: perfil de atendimento da Clínica Integrada Infantil da FOUFAL. Pesq Bras Odontoped Clín Integ.
2007; 7:223-7.
14. Mialhe FL, Boligon F, Menezes MA. Medo ao tratamento dos pacientes que procuram um serviço odontológico de urgência. Pesq Bras Odontoped Clin Integ. 2010; 10:483-7.
15. Brasil. Ministério da Saúde. Projeto SB Brasil: condições de saúde bucal da população brasileira. 2002-2003.
16. Brasil. Ministério da Saúde. Projeto SB Brasil: Pesquisa Nacional de Saúde Bucal 2010: resultados principais. [acesso 2012 set 02].
Disponível em: http://189.28.128.100/dab/docs/ geral/ projeto_sb2010_relatorio_final.pdf.
17. Smith K, Clarck A Dyson K, Kruger E, Lejmanoski L, Russell A, Tennant M. Guided self diagnosis: an innovative approach to triage for emergency dental care. Aust Dent J. 2006; 51:11-5.
18. Cassal JB, Cardozo DD, Bavaresco CS. Perfil dos usuários de urgência odontológica em uma unidade de atenção primária à saúde. Rev APS. 2011; 14: 85-92.
Publicado
2016-06-10
Como Citar
Paula, J. S. de, de Oliveira, M., Soares, M. R. S. P., Chaves, M. das G. A. M., & Mialhe, F. L. (2016). Perfil epidemiológico dos pacientes atendidos no Pronto Atendimento da Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Juiz de Fora. Arquivos Em Odontologia, 48(4). Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/arquivosemodontologia/article/view/3617
Seção
Artigos