Ensino de ciências em ambientes virtuais: a percepção do professor sobre as diferenças na sua prática introduzidas pelo uso das novas tecnologias

  • Margareth Mayer Departamento de Morfologia e Fisiologia Animal da UFRPE
  • Heloisa Bastos Departamento de Educação da UFRPE
  • Sílvio Costa Departamento de Ciências Administrativas da UFPE
  • Jeane Numeriano Aluna do Curso de Especialização em Metodologia do Ensino e Práticas Pedagógicas/UFRPE

Resumo

Este trabalho apresenta parte dos resultados de uma pesquisa realizada com um grupo de seis professores do Ensino Superior, que participaram da equipe de Ciências do Curso a Distância de Formação Continuada de Multiplicadores e Novos Multiplicadores, organizado pelo Proinfo, no ano 2000. O objetivo da pesquisa foi investigar a percepção desses docentes sobre as diferenças entre suas atuações no ensino presencial e no ensino a distância. Os dados foram coletados através de entrevistas semi-estruturadas, gravadas e transcritas, sendo analisadas neste trabalho as respostas relativas à percepção dos professores sobre a interação professor-aluno, as características das formas de ensino e o desenvolvimento de competências, nos dois modos de ensino.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2011-11-28
Como Citar
Mayer, M., Bastos, H., Costa, S., & Numeriano, J. (2011). Ensino de ciências em ambientes virtuais: a percepção do professor sobre as diferenças na sua prática introduzidas pelo uso das novas tecnologias. Revista Brasileira De Pesquisa Em Educação Em Ciências, 1(1). Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/rbpec/article/view/4190
Seção
Artigos