(IM) POSSIBILIDADES DE REGULAÇÃO NO TRABALHO EM PROFISSIONAIS DO CENTRO DE MATERIAL ESTERILIZADO (CME) / (Im) possibilities of regulation in the work of professionals from the Center of Sterilized Material (CSM)

Palavras-chave: Estratégias de Regulação, Centro de material esterilizado, Saberes e valores, Regulation strategies, Centro of Sterilized Material, Services and values

Resumo

Partindo de uma análise aprofundada sobre a atual situação das relações de trabalho e suas consequências para os atores envolvidos, o presente artigo, por meio da ergonomia e da ergologia, buscou dar visibilidade ao trabalho desenvolvido em um Centro de Materiais Esterilizados (CME), situado em um hospital, e as estratégias ali construídas e necessárias para a gestão do trabalho. Buscou-se demonstrar as diversas atividades inerentes à prática do trabalho, bem como as variabilidades presentes nesse contexto, bem como as diversas estratégias de regulação no trabalho ao almejar dois objetivos principais: 1) manutenção da própria saúde e, 2) eficiência na realização do trabalho. Foi evidenciado que há insuficiência de materiais e equipamentos e que isso impacta diretamente no cotidiano da assistência, na carga de trabalho dos trabalhadores do setor e de outros setores em interface com o CME. Porém, pode-se demonstrar também, que estratégias foram construídas e compartilhada, moduladas pela competência individual/coletiva analisada e que se mostrou de fundamental importância para a gestão da produtividade e dos riscos no contexto analisado.

Abstract

Based on an in-depth analysis of the current labor relations situation and its consequences for the actors involved, this article, through ergonomics and ergology, sought to give visibility to the work carried out in a Center for Sterile Materials (CME) in a hospital, and the strategies built there and necessary for work management. It was tried to demonstrate the diverse activities inherent in the work practice, as well as the variabilities present in this context, as well as the various strategies of work regulation, aiming at two main objectives: 1) maintaining one's own health and 2) job. It was evidenced that there is insufficient materials and equipment and that this has a direct impact on daily care, the workload of workers in the sector and other sectors in interface with the CME. However, it can also be demonstrated that strategies were constructed and shared, modulated by the individual / collective competence analyzed and that proved to be of fundamental importance for productivity and risk management in the analyzed context.

Biografia do Autor

Pedro Luiz Coelho Rodrigues, Universidade Federal de Itajubá - campus Itabira

Graduado em Engenharia de Saúde e Segurança pela Universidade Federal de Itajubá - campus Itabira.

Davidson Passos Mendes, UNIFEI

Possui graduação em Fisioterapia pela Universidade Federal de Minas Gerais (2001), mestrado em Engenharia de Produção (Ergonomia e Organização do Trabalho/Saúde do Trabalhador) pela Universidade Federal de Minas Gerais (2006) e doutoramento em Educação (em andamento) - linha de pesquisa: Política, Trabalho e Formação Humana - pela Universidade Federal de Minas Gerais (2010). Atualmente é professor assistente da Universidade Federal de Itajubá - campus Itabira, área Saúde do Trabalhador. Tem coordenado pesquisas nas áreas de Ergonomia e Saúde do Trabalhador com ênfase na configuração de risco dos diversos contextos sócio-técnicos e na gestão da saúde individual e coletiva no trabalho. Tem atuado em diversos contextos como hospitais, siderurgias, metalurgias, mineração e, participado, de cursos e palestras sobre Saúde do Trabalhador em diversas instituições de Minas Gerais e Brasil. Experiência nas Engenharias e em cursos da área da saúde, atuando principalmente nos seguintes temas: ergonomia e saúde do trabalhador, saúde pública, análise ergonômica, adoecimento relacionado ao trabalho, LER/DORT, reabilitação ortopédica e previdência social.

Publicado
2019-08-29
Como Citar
RODRIGUES, P.; MENDES, D. (IM) POSSIBILIDADES DE REGULAÇÃO NO TRABALHO EM PROFISSIONAIS DO CENTRO DE MATERIAL ESTERILIZADO (CME) / (Im) possibilities of regulation in the work of professionals from the Center of Sterilized Material (CSM). Trabalho & Educação - ISSN 1516-9537 / e-ISSN 2238-037X, v. 28, n. 2, p. 215-230, 29 ago. 2019.
Seção
ARTIGOS