Eficácia in vitro do extrato etanólico de Sangra d’ Água sobre o fungo Fusarium oxysporium

Autores

  • Jéssica Maria Israel de Jesus Instituto de Ciências Agrárias da Universidade Federal de Minas Gerais
  • Eliane Vieira Rosa
  • Flávia Oliveira Abrão Pessoa
  • Fabiano Guimarães Silva

Palavras-chave:

Agricultura. Controle alternativo. Fitopatógeno. Fitoquímicos.

Resumo

O aumento na utilização de agrodefensivos químicos, decorrente da ampliação da agropecuária, resulta
em uma produção de curto prazo e massiva, porém é grande a prevalência destes compostos
nos produtos vegetais, bem como no ambiente em que são produzidos. Há, portanto, necessidade de
pesquisas sobre o potencial de utilização de substâncias naturais no controle de fitopatógenos, como
uma alternativa economicamente viável, garantindo-se a sanidade ambiental, dos consumidores e dos
produtores. Com o presente trabalho objetivou-se a avaliar in vitro o efeito do extrato etanólico da casca
do caule de Croton urucurana Baillon (Sangra d’ Água) como agente inibidor da proliferação do fungo
Fusarium oxysporum, sendo este responsável por várias patologias em vegetais de grande importância
ambiental e comercial. O extrato etanólico de Sangra d’ Água foi testado nas concentrações de 0 (testemunha),100, 200, 300, 400 e 500 mg.L-1. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado
com seis tratamentos, sendo I testemunha e de II-VI concentrações do extrato (100, 200, 300, 400 e
500 mg.L-1) com dez repetições cada e os resultados foram submetidos ao teste de Kruskal-Wallis ao
nível de 5% de significância. As análises estatísticas foram realizadas com o auxílio do software ASSISTAT
7.7 Beta. O extrato proporcionou uma inibição total do crescimento do fungo, in vitro, a partir da
concentração de 300 mg.L-1 nas condições avaliadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AMARAL, M. F. Z. J.; BARA, M. T. F. Avaliação da atividade antifúngica de extratos de plantas sobre o crescimento de fitopatógenos. Revista Eletrônica de Farmácia Suplemento, v. 2, n. 2, p. 5-8, 2005.

ARAUJO, J. L.; OLIVEIRA, E. S.; TEIXEIRA, F. N. Controle alternativo “in vitro” de Sclerotium rolfsii em girassol (Helianthus annuus l.) pelo uso de extratos vegetais e Trichoderma spp. Essentia, Sobral, v. 15, n. 2, p. 25-35, dez. 2013/maio 2014.

BERNARDO, R. et al. Atividade antimicrobiana de plantas medicinais. Summa Phytopathologica, Botucatu, v. 28, n. 1, p. 110, 2002.

BRUM, M. C. P. Microrganismos endofíticos da videira Niágara rosada (Vitis labrusca L.) e o controle biológico de Fusarium. 2006. 79 f. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia) - Programa de pós-graduação integrada da Universidade de Mogi das Cruzes, São Paulo, 2006.

CUNICO, M. M. et al. Avaliação antifúngica de extratos obtidos de Ottonia martiana miq. (piperaceae) sobre três fitopatógenos. Arquivos do Instituto Biológico, São Paulo, v. 71, p. 141-3, 2004.

DEQUECH, S. T. B. et al. Efeito de extratos de plantas com atividade inseticida no controle de Microtheca ochroloma Stal (Col.: Chrysomelidae), em laboratório. Biotemas, v. 21, n. 1, p. 41-46, 2008.

EDIGINGTON, L. V.; KHEW K. L.; BARRON, G. L. Fungitoxic spectrum of benzimidazoles compounds. Phytopathology, St. Paul, v. 61, p. 42-44, 1971.

HEROLD, A. C. H. Investigação do potencial antimicrobiano de extratos etanólicos vegetais. 2006. 38 f. Monografia (Graduação em tecnologia em processos químicos) - SENAI: Faculdade de Tecnologia Roberto Mange, Anápolis, Goiás, 2006.

MORAIS L. A. S. et al. Efeito de diferentes concentrações do óleo de nim (Azadirachta indica) no crescimento micelial de fungos entomopatogênicos e Trichoderma harzianum. Horticultura Brasileira, v. 27, p. 113-117, 2009.

MOTOYAMA, M. M. et al. Indução de fitoalexinas em soja e em sorgo e efeito fungitóxico de extratos cítricos sobre Colletotrichum lagenarium e Fusarium semitectum. Acta Scientiarum, v. 25, n. 2, p. 491-496, 2003.

PILON, A. M.; VISÔTTO, L. E.; SILVA, C. R.; BARROS, R. A.; OLIVEIRA, M. G. A. Resposta bioquímica e comportamental de Anticarsia gemmatalis (Lepidoptera: noctuidae) ao inibidor de Serino Protease Benzamidina. Caderno de Ciências Agrárias, v. 8, n. 1, p. 82-89, 2016.

RAMOS, R. S. et al. Estudo físico-químico e avaliação do potencial larvicida do extrato etanólico das cascas do caule de Licania macrophylla Benth. Biota Amazônia, Macapá, v. 5, n. 1, p. 74-78, 2015.

RANDAU, K. P. et al. Estudo farmacognóstico de Croton rhamnifolius H.B.K. e Croton rhamnifolioides Pax&Hoffm. (Euphorbiaceae). Revista Brasileira de Farmacognosia, v. 4, p. 89-96, 2004.

RÊGO, C. M. et al. Atividade antifúngica de extratos de Annona crassiflora (Mart.), Eugenia dysenterica (DC.) e Lafoensia pacari (St. Hil.) sobre Fusarium solani (Mart.) Sacc. In: XLIV CONGRESSO BRASILEIRO DE FITOPATOLOGIA, 2011, Bento Gonçalves. Tropical Plant Pathology, Brasília, DF: Brazilian Phytopathological Society, 2011. p. 823-823.

ROSA, E. V. et al. Cellular proliferation in the gills of guppies exposed to pequi ethanolic extracts. Revista de Biologia Neotropical, Goiânia, v. 11, n. 1, p. 58-70, 2014.

SIMÕES, C. M. O. et al. Farmacognosia: da planta ao medicamento. 6. ed. Porto Alegre: Editora da UFRGS; 2010.

SOUZA, A. E. F.; ARAÚJO, E.; NASCIMENTO, L. C. Atividade antifúngica de extratos de alho e capim-santo sobre o desenvolvimento de Fusarium proliferatum isolado de grãos de milho. Fitopatologia Brasileira, Brasília, DF, v. 32, n. 6, p. 465-471, 2007.

SOUZA, D. K. et. al. Potencial fungicida do extrato etanólico obtido das sementes de Pachira aquática AUBL. sobre Fusarium sp.. Ciência e Natura, Santa Maria, v. 36 n. 2, p. 114-119, 2014.

SOUZA JÚNIOR, I. T.; SALES, N. L. P.; MARTINS, E. R. Efeito fungitóxico de óleos essenciais sobre Colletotrichum gloeosporioides, isolado do maracujazeiro amarelo. Revista Biotemas, v. 22, n. 3, p. 77-83, 2009.

STEINMANN, V. W. Diversidad y endemismo de la familia Euphorbiaceae em Mexico. Ata Botanica Mexicana Pátzcuaro, v. 61, p. 61-93, 2002.

TAIZ, L.; ZEIGER, E. Fisiologia vegetal, 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2004.

TALAMINI, V.; STADNIK, M. J. Extratos vegetais e de algas no controle de doenças de plantas. In: STADNIK, M. J.; TALAMINI, V. (Ed.). Manejo ecológico de doenças de plantas. Florianópolis: CCA/UFSC, p. 45-62, 2004.

VENTUROSO, L. R. et al. Atividade antifúngica de extratos vegetais sobre o desenvolvimento de fitopatógenos. Summa Phytopathologica, v. 37, n. 1, p. 18-23, 2011.

VIVAN, M. P. Uso do cinamomo (Melia azedarach) como alternativo aos agroquímicos no controle do carrapato bovino (Boophilus microplus). 2005. 72 f. Dissertação (Mestrado em Agroecossistemas) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2005.

WANDERLEY, A. G. et al. Avaliação preliminar da atividade farmacológica (antiespasmódica e antiulcerogênica) do extrato aquoso bruto de Croton rhamnifolius H. B. K. e Croton rhamnifolioides PAX & HOFFM. (Euphorbiaceae). Lecta. Bragança Paulista, v. 20, n.1, 2002.

ZANELLA, C. S. et al. Atividade de óleos e extratos vegetais sobre germinação carpogênica e crescimento micelial de Sclerotinia sclerotiorum. Arquivos do Instituto Biológico, São Paulo, v. 82, p. 1-8, 2015.

Downloads

Publicado

2016-08-31

Como Citar

Israel de Jesus, J. M., Rosa, E. V., Pessoa, F. O. A., & Silva, F. G. (2016). Eficácia in vitro do extrato etanólico de Sangra d’ Água sobre o fungo Fusarium oxysporium. Caderno De Ciências Agrárias, 8(2), 66–71. Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/ccaufmg/article/view/2925

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)