A Dimensão Axiológica na Elaboração de uma Rede Temática na Educação Infantil: Contribuições para o Ensino de Ciências

Palavras-chave: Rede Temática, Educação Infantil, Valores, Paulo Freire, Educação em Ciências

Resumo

Estudos na área de Educação em Ciências, pautados na perspectiva freireana, têm organizado a estruturação curricular baseando-se em Temas Geradores, em que a Rede Temática assume o papel de instrumento pedagógico para a compreensão de contradições sociais. Embora existam trabalhos que discutam a dimensão ética e política dos currículos e da prática pedagógica, entendemos que necessita-se evidenciar os valores envolvidos na construção da Rede Temática. Portanto, investigamos a compreensão de duas educadoras da Educação Infantil acerca dos valores presentes na construção de uma Rede Temática, durante um processo formativo pautado na Investigação Temática, realizado numa escola do município de Ilhéus/BA. As informações foram obtidas por meio de entrevistas semiestruturadas e videogravações e analisadas mediante a Análise Textual Discursiva, com base nas categorias a posteriori: Os valores na interação entre escola e comunidade; Os valores na programação curricular de ciências. Evidenciamos que o diálogo, interação, participação, envolvimento, conscientização, coletividade, humanização, o comprometimento com o outro e o conhecimento significativo são valores imprescindíveis para uma relação dialógica entre comunidade e escola. Na elaboração das Unidades de Conhecimentos de Ciências, constatamos que a criticidade, a responsabilidade pelo outro, o respeito pelas diferentes visões de mundo e o prazer são valores que emergem da compreensão das educadoras em relação a organização curricular baseada nos pressupostos freireanos. Portanto, consideramos que a reflexão e discussão sobre os valores no âmbito educativo podem contribuir para formação da consciência ético-crítica, reconhecimento e fortalecimento dos valores da cultura local, elaboração de currículos populares, propiciando a efetivação de projetos pedagógicos libertadores.

Biografia do Autor

Jefferson Silva Santos, Universidade Estadual de Santa Cruz

Graduado em Licenciatura plena em Filosofia pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). Mestrando no Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências (PPGEC/UESC). Faz parte do Grupo de Estudos e Pesquisa sobre Abordagem Temática no Ensino de Ciências - GEATEC. Possui experiência na área do ensino de filosofia para educação básica. Tem interesse nas seguintes subáreas: Estética, Ética, Axiologia, Ensino de Ciências e Filosofia da Educação.

Referências

Assunção, J. L. A Abordagem Temática Freireana na elaboração de um Projeto Político-Pedagógico. Dissertação (Mestrado em Educação em Ciências). Universidade Estadual de Santa Cruz, Ilhéus, 2019.

Bezerra, B. H. S., & Amaral, E. M. R. (2019). Identificando Compromissos Epistemológicos, Ontológicos e Axiológicos em falas de licenciandos quando discutem uma Questão Sociocientífica. Química Nova na Escola (online), 41(1), 41–54. http:// http://dx.doi.org/10.21577/0104-8899.20160137

Centa, F. G., & Muenchen, C. (2018). O trabalho coletivo e interdisciplinar em uma reorientação curricular na perspectiva da Abordagem Temática Freireana. Revista Electrónica de Enseñanza de Las Ciencias, 17(1), 68–93.

Conti, M. A., Toral, N., & Peres, S. V. (2008). A mídia e o corpo: o que o jovem tem a dizer? Ciência & Saúde Coletiva, 23(1), 34–39. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232010000400023

Cordeiro, M. D. (2016). Ciência e valores na história da fissão nuclear: potencialidades para a educação científica. Tese (Doutorado em Educação Científica e Tecnológica). Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.

Dalri, J. (2010). A dimensão axiológica do perfil conceitual. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências). Universidade de São Paulo, São Paulo.

Delizoicov, D. (1982). Concepção problematizadora do ensino de ciências na educação formal: relato e análise de uma prática educacional na Guiné Bissau. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências) – Universidade de São Paulo, São Paulo.

Delizoicov, D. (1991). Conhecimento, tensões e transições. Tese (Doutorado em Educação). Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (FEUSP), São Paulo.

Dussel, E. (2013). Ethics of liberation: in the age of globalization and exclusion. Translated by Eduardo Mendieta et al. London: Duke University Press.

Delizoicov, D. (1977). Filosofia da libertação na América Latina. São Paulo: Edições Loyola.

Delizoicov, D. (1980). La pedagógica latinoamericana. Bogotá: Nueva América.

Freire, P. (1987). Pedagogia do Oprimido. 17. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra.

Freire, P. (1996). Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra.

Fonseca, K. N. (2017). Investigação Temática e a Formação Social do Espaço: construção de uma proposta com professores dos anos iniciais. Dissertação (Mestrado em Educação em Ciências). Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Ilhéus.

Fonseca, K. N., Milli, J. C., Solino, A. P., & Gehlen, S. T. (2018). Milton Santos e Paulo Freire na Educação em Ciências: a Forma-Conteúdo expressa no Tema Gerador. Investigações em Ensino de Ciências (ONLINE), 23(1), 331–382. http://doi:10.22600/1518-8795.ienci2018v23n2p331

Furlan, A. (2015). Concepção de um currículo crítico: a ética como referência praxiológica. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal de São Carlos, Sorocaba.

Gadotti, M. (2007). A escola e o professor: Paulo Freire e a paixão de ensinar. 1. ed. São Paulo: Publisher Brasil.

Hessen, J. (1974). Filosofia dos valores. Coimbra: Armênio Amado.

Lacey, H. (1998). Valores e atividade científica. São Paulo: Discurso Editorial.

Lambach, M. (2013). Formação Permanente de Professores de Química da EJA na Perspectiva Dialógico-Problematizadora Freireana. Tese (Doutorado em Educação Científica e Tecnológica). Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.

Lucas, L. B. (2014). Axiologia Relacional Pedagógica e a formação inicial de professores de Biologia. Tese (Doutorado em Educação de Ciências e Educação Matemática). Universidade Estadual de Londrina, Londrina.

Lucas, L. B., Passos, M. M., & Arruda, S. M. (2013). Axiologia e o processo de formação inicial de professores de Biologia. Investigações em Ensino de Ciências (Online), 18(3), 645–665.

Lucas, L. B., Passos, M. M., & Arruda, S. M. (2016). A Não Neutralidade Axiológica do Processo de Formação Inicial de Professores de Biologia. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, 16(3), p. 499–520.

Lucas, L. B., & Passos, M. M. (2015). Filosofia dos valores: uma compreensão histórico-epistemológica da ciência axiológica. Conjectura: Filosofia e Educação (UCS), 20(3), p. 123–160.

Mafra, J. F. (2007). A conectividade radical como princípio e prática da educação em Paulo Freire. Tese (Doutorado em Educação). Universidade de São Paulo, São Paulo.

Mendonça, A. R. (2016). A aposta da reorientação curricular via Tema Gerador no Projeto Parnamirim Interdisciplinar. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal.

Milli, J. C. L., Almeida, E. S., & Gehlen, S. T. (2018). A Rede Temática e o Ciclo Temático na Busca pela Cultura de Participação na Educação CTS. Alexandria: Revista de Educação em Ciências e Tecnologia, Florianópolis, 11(1), 71–100. https://doi.org/10.5007/1982-5153.2018v11n1p71

Milli, J. C. L., Solino, A. P., & Gehlen, S. T. (2018). A Análise Textual Discursiva na investigação do Tema Gerador: por onde e como começar? Investigações em Ensino de Ciências (ONLINE), 23(1), 200–229. http://doi:10.22600/1518-8795.ienci2018v23n1p200

Moraes, R., & Galiazzi, M. C. (2011). Análise Textual Discursiva. In R. Moraes, & M. C. Galiazzi (Org.), Análise Textual Discursiva: Análise de Conteúdo? Análise de Discurso? Ijuí, 2ª ed. Unijuí.

Moura, W. C. (2011). Axiologia e Educação (Física): Discursos de professores e alunos em tempos de relativismo. Dissertação (Mestrado em Desporto para crianças e jovens). Universidade do Porto, Portugal.

Muenchen, C. (2010). A disseminação dos Três Momentos Pedagógicos: um estudo sobre as práticas docentes na região de Santa Maria/RS. Tese (Doutorado em Educação Científica e Tecnológica). Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.

Neres, C. A., Fonseca, K. N., Milli, J. C. L., & Gehlen, S. T. (2016). Rede Temática: uma construção colaborativa em uma escola dos anos iniciais de Itabuna/BA. In XVIII Encontro Nacional de Ensino de Química, Florianópolis, SC.

Patrício, M. (1993). Lições de axiologia educacional. Lisboa: Universidade Aberta.

Pedro, A. P. (2014). Ética, moral, axiologia e valores: confusões e ambiguidades em torno de um conceito comum. Kriterion, Belo Horizonte, 55(130), 483–498. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-512X2014000200002

Raicik, A. C. & Angotti, J. A. P. (2019). A escolha teórica em controvérsias científicas: valores e seus juízos à luz das concepções Kuhnianas. Alexandria: Revista de Educação em Ciências e Tecnologia, Florianópolis, 12(1), 331–349. http://dx.doi.org/10.5007/1982-5153.2019v12n1p331

Rambo, E. M. (2017). Paulo Freire: Diálogo no âmbito da Educação Infantil – Estudos de caso no município de Concordia-SC. Dissertação (Mestrado em Educação), Universidade Federal da Fronteira Sul, Chapecó, SC.

Razera, J. C. C. (2011). O desenvolvimento moral em aulas de ciências: explorando uma interface de contribuições. Tese (Doutorado em Educação Para a Ciência). Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Bauru.

Roberts, P. (2000). Education, literacy, and humanization: exploring the work of Paulo Freire. London: Bergin & Garvey.

Santos, R. A. (2016). Busca de uma participação social para além da avaliação de impactos da Ciência-Tecnologia na Sociedade: sinalizações de práticas educativas CTS. Tese (Doutorado em Educação). Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria.

Scocuglia, A. C. (2008). A pedagogia social de Paulo Freire como contraponto da pedagogia globalizada. In R. Silva, J. C. Souza Neto, & R. A. Moura. (Org.). Pedagogia Social. São Paulo: Expressão e Arte/UNESCO, 225–240.

Sena, L. M. (2010). Educação ambiental e o trabalho com valores: um estudo de caso. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Rio Claro/SP.

Silva, A. F. G. (2004). A construção do currículo na perspectiva popular crítica: das falas significativas às práticas contextualizadas. Tese de Doutorado. Pontifícia Universidade Católica/SP, São Paulo.

Silva, A. F. G. (2013). O currículo na práxis da educação popular: projeto pedagógico interdisciplinar - tema gerador via rede temática. In M. Pernambuco, & I. A. Paiva (Org.). Práticas Coletivas na Escola. Campinas: Mercado das Letras, 75–96.

Silva, A. F. G., & Pernambuco, M. C. A. (2014). Paulo Freire: uma proposta pedagógica ético-crítica para a educação ambiental. In C. F. B. Loureiro, J. R. Torres (Org.) Educação Ambiental: dialogando com Paulo Freire. 1. Ed. São Paulo: Cortez.

Sousa, P. S., Solino, A. P., Figueiredo, P. S., & Gehlen, S. T. (2014). Investigação Temática no Contexto do Ensino de Ciências: Relações entre a Abordagem Temática Freireana e a Práxis Curricular via Tema Gerador. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia. 7(1), 155–177. https://doi.org/10.5007/%25x

Stuani, G. M. (2016). Abordagem Temática Freireana: uma concepção de formação permanente dos professores de ciências. Tese (Doutorado em Educação Científica e Tecnológica). Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.

Publicado
2019-11-30
Como Citar
Santos, J. S., Lima, J. A., Barbosa, L. dos S., & Gehlen, S. T. (2019). A Dimensão Axiológica na Elaboração de uma Rede Temática na Educação Infantil: Contribuições para o Ensino de Ciências. Revista Brasileira De Pesquisa Em Educação Em Ciências, 19, 649-682. https://doi.org/10.28976/1984-2686rbpec2019u649682
Seção
Artigos