“Resistir e Consolidar”: história e trajetória do Centro Acadêmico de Ciências do Estado CACE

Autores

  • João Lucas Ribeiro Moreira
  • Lucas Parreira Álvares
  • Thelma Yanagisawa Shimomura
  • Vinicius Brener Brandão

DOI:

https://doi.org/10.35699/2525-8036.2016.4988

Resumo

RESUMO: O presente artigo se propõe a fazer uma análise histórica da recente, porém intensa trajetória do Centro Acadêmico do curso de Ciências do Estado (CACE) da Universidade Federal de Minas Gerais. Desse modo, nos propomos a uma recuperação do processo de constituição do Centro Acadêmico, bem como uma análise sistemática das gestões que atuaram no CACE desde sua fundação até o ano de 2015, sendo elas: “SuperAção”, “Movimenta”, “Praxis”, “Construção Coletiva”, “COR”, além das perspectivas para a atual gestão do CACE, a “Ubuntu”. Desse modo, o artigo revela o estreito limiar existente entre a atuação estudantil organizada na consolidação e resistência do curso de Ciências do Estado da UFMG.


PALAVRAS-CHAVE: Ciências do Estado; Centro Acadêmico; Movimento Estudantil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-07-27

Como Citar

MOREIRA, J. L. R.; ÁLVARES, L. P.; SHIMOMURA, T. Y.; BRANDÃO, V. B. “Resistir e Consolidar”: história e trajetória do Centro Acadêmico de Ciências do Estado CACE. Revista de Ciências do Estado, Belo Horizonte, v. 1, n. 1, 2016. DOI: 10.35699/2525-8036.2016.4988. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revice/article/view/4988. Acesso em: 20 ago. 2022.