Experiência em arte: arquivo, infância e narrativa

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35699/2237-5864.2021.32951

Palavras-chave:

Experiências artísticas e educativas. Infância. Arquivo

Resumo

A partir do acervo de experiências artísticas e educativas do Grupo Patafísica, o ensaio apresenta um percurso por este arquivo fotográfico, cujas gestualidades foram capturadas pelos mediadores integrantes do grupo. Para compreender pontos de inflexão entre o campo da arte e a produção de pensamento, interessa perceber lampejos criativos que emergem do rastro dessas experiências amalgamadas nesses registros por meio da experiência estética. O exercício de olhar agora para essas imagens opera uma atualização que compreende as insurgências narrativas como potenciais tarefas da infância, aqui apresentadas menos como campo social e mais como produção de pensamento. Para isso, a articulação teórica com Gilles Deleuze, Georges Didi-Huberman e François Lyotard busca as sobrevivências e as resistências destes arquivos.

Biografia do Autor

Carolina Correa Rochefort, UFPel/ Centro de Artes

Doutoranda em Educação pelo PPGE - FAE - UFPel (2020), na Linha de Pesquisa “Currículo, Profissionalização e Trabalho Docente”, sob orientação da professora Dra. Maria Manuela Alves Garcia. Mestre em Poéticas Visuais pelo PPGAV - IA - UFRGS (2010), sob orientação do professor Dr. Eduardo Vieira da Cunha. Especialista em Poéticas Visuais pela Universidade FEEVALE (2008), sob orientação da professora Dra. Sandra Rey. Graduação no Curso de Artes Visuais Bacharelado em Gravura pela Universidade Federal de Pelotas (2005). É professora adjunta do Centro de Artes da Universidade Federal de Pelotas ministrando as disciplinas de Desenho da Figura Humana e Mediação Artística: experiências poético-educativas. Tem experiência na área de pesquisa em Artes, atuando no grupo de pesquisa Percursos Poéticos: procedimentos e grafias na contemporaneidade, em orientações e co-orientações com alunos da graduação do curso de Bacharelado e de Licenciatura em Artes Visuais assim como na coordenação do Projeto de unificado (pesquisa, extensão e ensino) Patafísica: mediação-arte-educação (2011).

Carolina Mesquita Clasen, UFPel

Mestre em Arquitetura e Urbanismo (2018), na Linha de Urbanismo Contemporâneo do Programa de Pós-graduação em Arquitetura e Urbanismo (PROGRAU) da Universidade Federal de Pelotas. Com Licenciatura em Artes Visuais obtida pela mesma instituição (2014) e Especialização em andamento em Planejamento e Gestão das Cidades (Programa USP Cidades; PECE-POLI-USP); tem interesse por investigações sobre as Infâncias Contemporâneas e suas intersecções. Através de participação e contribuições nas pesquisas sobre espaços expositivos e públicos, com temas tangenciados pelas teorias da cidade, sociologia da infância e da educação, desenvolve sua formação vinculada aos Grupos de Pesquisa CNPq Cidade+Contemporaneidade e Patafísica (UFPel/BR- UNPSJB/Ar). Desde 2019, realiza atividades junto ao GT Cidade, Infâncias e Juventudes vinculado ao Instituto dos Arquitetos Brasileiros de São Paulo (IAB-SP).

Referências

BLANCHOT. M. La Folie du jour. Montpelier: Fata Morgana, 1973.

DELEUZE, Gilles. Francis Bacon: lógica da sensação. Rio de Janeiro: Zahar, 2007. Trad. Roberto Machado e outros.

DIDI-HUBERMAN, Georges. Remontar, remontagem (do tempo). Série Caderno de Leituras, n.47. Edições Chão de Feira. 2016.

________. Essayer Voir. Paris: Éditions de Minuit, 2014.

________. Quando as imagens tocam o real. REVISTA Pós: do Programa de Pós-graduação em Artes - EBA/UFMG. Belo horizonte, MG: UFMG, v.2, n.4, p. 204-219, nov. 2012. Disponível em: http://www.eba.ufmg.br/revistapos/index.php/pos/issue/view/2. Acesso em: 4 abr. 2021.

FOUCAULT, Michel. Microfísica do poder. Organização e tradução de Roberto Machado. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1979.

GROPPA, Julio A. O arquivo e a pesquisa educacional: aproximações. In: JUNIOR, Atilio B.; CANDIOTTO, Cesar; SOUZA, Pedro de; CAPONI, Sandra (Orgs.). Foucault e as práticas de liberdade II: topologias políticas e heterotopologias. Campinas: Editores Pontes, 2019.

ROLNIK, Suely. Cartografia Sentimental, Transformações contemporâneas do desejo. São Paulo: Editora Estação Liberdade, 1989.

Downloads

Publicado

2021-12-13

Como Citar

CORREA ROCHEFORT, C.; MESQUITA CLASEN, C. Experiência em arte: arquivo, infância e narrativa. PÓS: Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG, [S. l.], v. 11, n. 23, p. 40–61, 2021. DOI: 10.35699/2237-5864.2021.32951. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistapos/article/view/32951. Acesso em: 27 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigos - Seção temática