O PLANFOR E A RECONCEITUAÇÃO DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

Autores

  • Fernando Selmar Fidalgo FaE/UFMG
  • Lucília Regina de Souza Machado UNA

Palavras-chave:

Planfor, Educação profissional, Política pública

Resumo

Este artigo recupera, nos documentos do PLANFOR, as justificativas utilizadas pelos formuladores desse plano para enunciá-lo como um novo conceito e uma nova institucionalidade de educação profissional para o Brasil. Sintetiza as principais dificuldades para a concretização das propostas formuladas por esse plano. Evidencia que tais dificuldades expressam as contradições que existem entre os elementos da formulação dessa política e entre esses e as formas que se revestem na implementação do Plano. A necessidade de mudanças de padrão e desenvolvimento social surge como principal elemento de constituição de paradigma realmente novo de educação profissional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

FIDALGO, F. S.; MACHADO, L. R. de S. O PLANFOR E A RECONCEITUAÇÃO DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL. Trabalho & Educação, Belo Horizonte, v. 6, p. 93–109, 2013. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/9168. Acesso em: 22 jan. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

> >>