Contrastes entre a crítica literária especializada e amadora

os booktubers e os discursos sobre o livro e a leitura

Autores

  • Danilo Vizibeli Universidade Federal de São Carlos; Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.17851/1983-3652.9.2.1-12

Palavras-chave:

discurso, leitura, livros, crítica

Resumo

Este trabalho tem por objetivo descrever, pautado na Análise do Discurso francesa e na História Cultural, as práticas discursivas da representação contemporânea do leitor por meio de algumas reflexões sobre a crítica especializada e a amadora. Utiliza-se como recorte do corpus uma notícia veiculada no portal de entretenimento do UOL, intitulada “Mercado literário: Os booktubers vão substituir os críticos especializados?”, assinada por Rodrigo Casarin. Procura-se elencar e compreender as formações discursivas sobre o leitor comum e o leitor profissional, este entendido como a crítica literária profissional que se serve de uma leitura institucionalizada. Questiona-se: por que a crítica literária formal se reveste de prestígio, mas quando se quer vender as obras e movimentar o mercado editorial é preciso, na atualidade, promover o comentário amador? Quais os limites entre o leitor comum e o crítico especializado? Por que postar um vídeo na internet gera capital social para aquele que se denomina leitor voraz e aproxima leitores e escritores? Em termos de linguagem, o que se diz sobre a leitura na época da cibercultura? Para dar conta dessas indagações são utilizadas as reflexões teóricas encontradas nas obras de Orlandi (2012), Foucault (2010) e Chartier (1998, 2010).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Danilo Vizibeli, Universidade Federal de São Carlos; Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais

Doutorando em Linguística pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Mestre em Linguística pela Universidade de Franca - UNIFRAN (2013). Possui Graduação Bacharelado em Comunicação Social habilitação Jornalismo pela Faculdade de Comunicação Social de Passos (Facomp), unidade da Fundação de Ensino Superior de Passos - Universidade do Estado de Minas Gerais (FESP/UEMG) - 2008 e Licenciatura em Letras-Português pela Universidade de Franca - UNIFRAN (2015). Possui experiência profissional em Assessoria de Comunicação, jornalismo impresso e telejornalismo. Estuda e pesquisa temas relacionados à Comunicação e Educação, contrastados com a área da Linguística, principalmente a Análise do Discurso. Atualmente é servidor público técnico-administrativo no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais (IFSULDEMINAS) ? Campus Passos, no cargo de Auxiliar de Biblioteca.

Downloads

Publicado

09-12-2016

Como Citar

VIZIBELI, D. Contrastes entre a crítica literária especializada e amadora: os booktubers e os discursos sobre o livro e a leitura. Texto Livre, Belo Horizonte-MG, v. 9, n. 2, p. 1–12, 2016. DOI: 10.17851/1983-3652.9.2.1-12. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/textolivre/article/view/16723. Acesso em: 12 jun. 2024.

Edição

Seção

Linguística e Tecnologia

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.