REBROTE DO SORGO: VANTAGENS AGRONÔMICAS PARA A PRODUÇÃO DE FORRAGEM EM REGIÕES SEMIÁRIDAS

Autores

  • Luan Souza de Paula Gomes
  • Otaviano de Souza Pires Neto
  • Mário Henrique França Mourthé
  • Anna Christina Almeida
  • Otaviano de Souza Pires Júnior

Resumo

Objetivou-se revisar a características agronômicas do rebrote do sorgo, tendo em vista a ecessidade da produção de forragem de qualidade e baixo custo para produtores das regiões onde a estiagem é prolongada. Revisou-se artigos científicos, revistas técnicas, monografias, dissertações e teses nas bases de dados do portal Capes e Scielo, dando ênfase aos trabalhos publicados nos últimos 15 anos. A planta de sorgo possui capacidade de manter seu sistema radicular vivo após o corte, o que confere à planta capacidade de perfilhamento. A planta de sorgo é tolerante ao déficit hídrico, possui boa produção por área e crescimento rápido, destacando-se para a produção de silagem. O sorgo (grão e silagem) possui características bromatológicas e produtivas superiores às do milho em condições de baixa pluviosidade. Além disso, soma-se a produção do rebrote do sorgo que não acontece com a cultura do milho. O rebrote do sorgo tem características nutricionais parecidos com a planta do primeiro corte, apresentando 60% da produção de matéria verde do primeiro corte. A cultura do sorgo é indicada para a produção de forragem em condições de longa estiagem de chuvas. As características agronômicas do sorgo, principalmente, a maior tolerância à baixa pluviosidade e o rebrote representa grande vantagem sobre o milho para a produção de silagens nas condições edafoclimáticas de regiões semiáridas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-11-01

Como Citar

Gomes, L. S. de P., Pires Neto, O. de S., Mourthé, M. H. F., Almeida, A. C., & Pires Júnior, O. de S. (2015). REBROTE DO SORGO: VANTAGENS AGRONÔMICAS PARA A PRODUÇÃO DE FORRAGEM EM REGIÕES SEMIÁRIDAS. Caderno De Ciências Agrárias, 7(1), 119–137. Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/ccaufmg/article/view/2801

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)