A circulação inter e intracoletiva de pesquisas e publicações acerca da experimentação no ensino de Química

Autores

  • Fábio Peres Gonçalves Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Carlos Aberto Marques Departamento de Metodologia do Ensino Universidade Federal de Santa Catarina

Palavras-chave:

experimentação no ensino de Química, análise de teses, dissertações e artigos, Ludwik Fleck

Resumo

Analisa-se o panorama da produção sobre experimentação no ensino de Química por meio da identificação de dissertações, teses e artigos publicados em periódicos nacionais acerca dessa temática. Foram identificadas, no período entre 1972 e 2006, 18 pesquisas realizadas em programas de pós-graduação stricto sensu e 12 artigos nos periódicos Química Nova e Química Nova na Escola. A maior parte das dissertações e teses foi publicada entre 2001 e 2006, enquanto que o maior número de artigos publicados acerca do tema experimentação no ensino de Química, nas revistas analisadas, antecede esse período. A análise se fundamentou na epistemologia de Ludwik Fleck e se pode destacar, por exemplo, a importância da circulação inter e intracoletiva para a produção e disseminação relativa à experimentação no ensino de Química.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-09-14

Como Citar

Gonçalves, F. P., & Marques, C. A. (2012). A circulação inter e intracoletiva de pesquisas e publicações acerca da experimentação no ensino de Química. Revista Brasileira De Pesquisa Em Educação Em Ciências, 12(1), 181–204. Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/rbpec/article/view/4225

Edição

Seção

Artigos