Condições higiênico-sanitárias em uma escola pública do município de Januária-MG antes e após o treinamento dos manipuladores de alimentos

Palavras-chave: Alimentação Escolar, Segurança Alimentar, Qualidade da Água

Resumo

checklist) para avaliar as atuais condições higienicossanitárias da cantina da escola. Posteriormente, foi promovido um treinamento em boas práticas de manipulação de alimentos para os manipuladores de alimentos da cantina da escola avaliada. Por fim, foram avaliadas novamente as condições higienicossanitárias da cantina da escola com o objetivo de verificar a eficiência do treinamento realizado com os manipuladores. A qualidade da água de abastecimento da escola avaliada neste estudo também foi determinada. Após a primeira aplicação da lista de verificação antes do treinamento dos manipuladores, o estabelecimento avaliado apresentou um percentual de atendimento às Boas Práticas de Fabricação (BPF) de 74,5%, sendo classificado como "regular". Após o treinamento, o estabelecimento avaliado apresentou um percentual de atendimento às Boas Práticas de Fabricação (BPF) de 81,8%, passando a ser classificado como "bom". O treinamento promovido no estabelecimento avaliado possibilitou uma melhoria das condições higiênico-sanitárias, uma vez que, a classificação quanto ao atendimento às boas práticas variou de "regular" para "bom". A água utilizada pelo estabelecimento pesquisado estava fora dos padrões de potabilidade determinados pela legislação brasileira.>

Biografia do Autor

Joseane Moreira Santos, Instituto Federal Norte de Minas Gerais

Instituto Federal Norte de Minas Gerais, Campus Januária, MG

Luiz Carlos Ferreira, Instituto Federal Norte de Minas Gerais (IFNMG)

Doutor em Ciência de Alimentos pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Publicado
2019-08-26
Seção
ARTIGOS ORIGINAIS