Contribuições dos estudos de perfil dos graduandos: o caso dos cursos de licenciatura e bacharelado em Química da UNESP/Araraquara

Autores

  • Luciana Massi Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara - Universidade Estadual Paulista
  • Alberto Villani Instituto de Física - Universidade de São Paulo

Palavras-chave:

Perfil dos estudantes, Perfil sócio-econômico, Ensino Superior

Resumo

Este trabalho tem como foco o perfil dos estudantes dos cursos de bacharelado e licenciatura em Química da UNESP/Araraquara. Realizamos análises estatísticas e comparativas com um grande volume de dados quantitativos sobre os inscritos e aprovados no vestibular desses cursos. Interpretamos essas informações com base nos conceitos de capital cultural e econômico desenvolvidos por Pierre Bourdieu. A primeira análise diz respeito à aprovação no vestibular e traz conclusões importantes quanto aos aspectos que favorecem o ingresso na universidade: confirmação do “efeito cursinho”; maior peso do capital cultural em relação ao capital econômico; e observação do fenômeno da auto-seleção em relação ao curso de bacharelado. A segunda análise aponta para importantes diferenciações de perfil em um grupo de estudantes que poderia ser considerado homogêneo em função da opção pela Química. Além de trazer informações novas sobre o perfil dos alunos de Química, nossa análise tem o mérito de traduzir e revelar quantitativamente ideias veiculadas no senso comum sobre a aprovação no vestibular.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-08-08

Como Citar

Massi, L., & Villani, A. (2014). Contribuições dos estudos de perfil dos graduandos: o caso dos cursos de licenciatura e bacharelado em Química da UNESP/Araraquara. Revista Brasileira De Pesquisa Em Educação Em Ciências, 14(1), 151–170. Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/rbpec/article/view/4286

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)