Edição Atual

v. 14 n. 26 (2020): A música no arquivo da tradição judaica

Apresentação

Lyslei Nascimento (Universidade Federal de Minas Gerais) e Susanne Zepp (Freie Universität Berlin)

Neste número, a revista Arquivo Maaravi: Revista Digital de Estudos Judaicos da UFMG apresenta artigos que tratam da música na cultura e na tradição judaica desde os salmos até as canções que aparecem no Êxodo, como no artigo “Shemot: os cânticos do Êxodo”, de Nancy Rozenchan. Um estudo sobre o Hino de Israel, com um arranjo original para a composição, foi elaborado no artigo “Hatikvah: considerações sobre a esperança para a terra de Sion e Jerusalém”, por Mauro de Chantal Santos e Patrícia de Oliveira, e a presença de refranes e instrumentos musicais na literatura são analisados por Filipe Menezes em “Música e tradição cultural em Sobre os rios que vão, de Maria José de Queiroz. Kênia Pereira, em “O carnaval na ópera joco-séria de Antônio José da Silva, o Judeu: uma leitura de Guerras do Alecrim e Manjerona”, reflete sobre a música, o humor e o teatro; Saul Kirschbaum, no artigo “Os judeus e a música na Idade Média ibérica”, traça um vasto panorama sobre a produção judaica medieval, e Berta Waldman, por sua vez, analisa, na MPB e em marchinhas de carnaval, a referência da guerra e de seus personagens no artigo “A Segunda Guerra Mundial cantada: MPB e Carnaval”. Susana Skura e Luís Fizsman, no artigo “Juegos de lenguaje/juegos por dinero en tres canciones de Max Perlman", contemplam a herança ídiche em músicas argentinas; já Aline Silveira e Sônia Kramer analisam, em “Infância, experiência e rememoração: encontros com a música Yiddish”, a memória e a infância. Além destes importantes textos, Abraham Shemesh, com “The Magic Tumbler for the Plague: Alicorn and its Medical-Occult Uses in 16th-17th Century Jewish Literature, Alessandra Conde com “Escritores sefarditas na Amazônia” e Filipe Silva Carmo com “Breves considerações sobre حِكمَة (ikma) para a leitura do gênero literário sapiencial na Bíblia Hebraica”, compõem os artigos desta edição. Publica-se, também: dois contos de I. L. Peretz; as crônicas de Ernest Ilisca, Marilia Levi Freidenson e Uri Lam; um precioso depoimento sobre o ofício do escritor por Paulo Rosembaum; poemas de Carlos Morales e de Raquel Yehezkel; resenhas de Heloísa Pait e de Lyslei Nascimento; bem como uma deliciosa peça literária do escritor israelense Etgar Kéret. Além da arte de Vlad Eugen Poenaru, este número traz, ainda, o humor refinado de Adam Grzybowski e Luis Goldman.

Publicado: 2020-06-03

Apresentação

Arte

Conto

Estante Maaravi

Humor

Poema

Tradução

Ver Todas as Edições